sexta-feira, 23 de maio de 2008

Natureza do amor

Olhe,eu vou te mostrar
Como o mundo é belo
Do ponto de vista do amor.

Venha e me dê a mão,
Pois o mundo é uma aventura
Interminável e emocionante;
Se você acreditar você pode ser,
Se você quiser você pode ter
Aquela estrela cadente ou a lua.

Princesas e bruxas,
Fadas e magias existem,
Pois esse é um mundo aberto,
Até parece um sonho
Onde nós estamos acordados.

Olha o mundo que eu te fiz,
Você pode modelar as nuvens,
Você pode criar as cores
E também as flores.

Só deixe seu coração mandar,
Pois essa é a natureza do amor;
Garanto-lhe:
É um mundo que você nunca viu
E nem nunca sentiu.

São vôos e risadas
Abraços e beijos.

Peço-te que não abandone
Esse nosso mundo
Que é tão perfeito
Visto dos nossos olhos
E sentido nos nossos corações;

Pois só enquanto nossos olhares
Significarem alguma coisa
Esse mundo continuará sendo
A natureza do amor.

Nícholas Mendes

Um comentário:

juliana disse...

Nao tem nada melhor do que entrar na internet ,com varias coisas futeis pra ver..e se deparar com uma poesia dessas..que tocam nosso interior!

obrigada!

Notas do autor:

Coloquemos uma coisa na nossa cabeça;
Que ainda falta muito para um final.
Afinal ninguém define um final
Sem se empenhar no começo.

O final não é sinônimo de morte,
Não é antítese de início,
Não se compara com a vida
E não significa própriamente um final.

Se por acaso seu começo é fraco
E ainda teme um final,
Simples
Viva sempre no meio;
Pois é ai que você pensa que o livro não tem fim.

Nícholas Mendes (Puck Todd)

Tudo é mais do que pode parecer:

Tudo é mais do que pode parecer:
Veja as coisas com todos os olhos.