terça-feira, 5 de agosto de 2008

Sobre você.

Queria encontrar por ai
Um alguém como você,
Especial,que chama a atenção,
Mostrando-se no meio de uma multidão.

Vozes de outros já me dizem;
Outras coisas de você já penso,
Coisas que não devia ter ouvido.
Esperar e conhecer-te seria mais certo.

É,eu posso esquecer tudo isso.
Deus me deu esse dom;
Enxergar o mundo com os olhos de Teu filho.

Vários outros já me dizem:
Esqueça-a.Esqueça-a!
Rezo para que não seja isso,
Dessa vez não pode ser isso;
Assim como já fora outrora.
Diga a sua verdade pra mim;
Em quem devo acreditar?

Nícholas Mendes. (Puck Todd)

Um comentário:

juliana disse...

muito bom Nih!adoreii!

Notas do autor:

Coloquemos uma coisa na nossa cabeça;
Que ainda falta muito para um final.
Afinal ninguém define um final
Sem se empenhar no começo.

O final não é sinônimo de morte,
Não é antítese de início,
Não se compara com a vida
E não significa própriamente um final.

Se por acaso seu começo é fraco
E ainda teme um final,
Simples
Viva sempre no meio;
Pois é ai que você pensa que o livro não tem fim.

Nícholas Mendes (Puck Todd)

Tudo é mais do que pode parecer:

Tudo é mais do que pode parecer:
Veja as coisas com todos os olhos.